Reciclagem: conheça algumas dicas na hora de reciclar

Reciclagem: um ato de cidadania

Definição de reciclagem

 

Segundo a  lei n° 12.305, que trata da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS). A definição de reciclagem é o processo em que há a transformação do resíduo sólido que não seria aproveitado, mudando seu estado físico, físico-químico ou biológico, atribuindo características ao resíduo para se tornarem novamente matéria-prima ou produtos.

 

Importância

A reciclagem é um fator de extrema importância quando se trata de preservação ambiental, ajuda na conservação de recursos naturais como a água, madeira, minerais e outros,  contribui com a redução da extração de novas matérias-primas. 

São inúmeros os benefícios desse processo, além da redução e transformação dos resíduos e  a desoneração dos recursos naturais, o processo de reciclagem é considerado responsável por movimentar a economia. Uma vez que este setor é um gerador de empregos e rendas.

 

Este processo estimula e incentiva o consumo consciente, com isso há um maior cuidado com a preservação ambiental, respeitando os recursos naturais  e a saúde pública de modo geral.

 

Tipos de reciclagem

 

Para a realização do processo de reciclagem é a coleta seletiva, ou seja, a separação do lixo por material, com o seu posterior destino para o reaproveitamento.Segundo a resolução CONAMA 275, há 10 códigos de cores para cada tipo de resíduos, aqui vamos apontar algumas:

 

  • Lixeiras azuis: Papel
  • Lixeiras Verdes: Vidro 
  • Lixeiras Vermelhas: Plástico
  • Lixeiras laranja: Metal

O correto é que estes materiais sejam descartados limpos e higienizados, até mesmo sinalizados, como é o caso do vidro. Confira as outras cores Resolução CONAMA nº 275

 

Dicas de reciclagem

 

O primeiro passo e um dos mais importantes , é sem dúvida a conscientização a respeito de todo o resíduo que se é produzido e para onde esse material vai. A partir disso, devemos tomar algumas atitudes em relação à reciclagem, como:

 

  • Aproveitar ao máximo o resíduo orgânico; restos de alimentos podem servir como biofertilizantes, para adubar, hortas, canteiros, plantas e etc.

 

  • Separe por tipo de material sempre que possível; ajuda a selecionar os materiais e fornecer um destino correto onde este resíduo terá nova utilidade.

 

  • Higienize: Quando for descartar os resíduos, como garrafas pets, potes, embalagens que continham alimentos é importante lavá las antes

 

  • Sinalize os materiais: muito importante no caso dos vidros, pois oferecem risco a quem os manuseia, a sinalizaçãoevita acidentes.

 

 

  • Adote e incentive bons hábitos as pessoas ao redor; a reciclagem é um exercício de cidadania

 

Para sua Empresa 

 

Segundo o Sebrae, o descarte correto dos resíduos caracteriza uma boa gestão das rotinas de uma empresa. Também podem constituir um diferencial competitivo, principalmente em relação ao marketing verde.

 

O Gerenciamento de Resíduos – Brasil Coleta , conta com minuciosa classificação garante destinação final segura para preservação do Meio Ambiente tornando nulo os riscos legais às empresas contratantes.

 

Gostou do conteúdo? Continue acessando nosso 

blog  para ficar antenado nas notícias do mundo sustentável, e para ficar sempre atualizado, siga nossas redes sociais, estamos no: Instagram, FacebookLinkedIn

Nenhum comentário. Seja o Primeiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.