Projetos para revitalizar bacias hidrográficas

A água é um bem valioso para a existência de todos os seres vivos, e a sua conservação é essencial para a progressão da sociedade como um todo. Entretanto, algumas ações, advindas em sua grande maioria da exploração e degradação de florestas e áreas naturais, vem recentemente acabando com a qualidade e quantidade das bacias hidrográficas e aquíferos. Em uma tentativa de reverter as consequências dessas ações, estão os projetos de revitalização de bacias hidrográficas. Mas você sabe o que é isso? Quais estratégias existem e como funciona? Confira a seguir.

Primeiramente, um projeto de revitalização de bacia hidrográfica nada mais é do que a restauração de uma área fortemente impactada pelas ações humanas. Como propriamente inserido na nomenclatura, essa ação busca reestruturar e conservar especificamente áreas aquáticas de grande importância para o consumo e produção da população.

Dentro do mundo da revitalização, existem diferentes técnicas que podem ser usadas, e uma delas é a conversação e preservação das nascentes dos rios. Essa ação possui como base o cercamento de nascentes e enriquecimento da vegetação local, e geralmente é colocada em prática através da montagem de cercas ao redor da área da nascente (para impedir a entrada de animais e humanos) e conservação e plantação (caso necessário) da vegetação nativa do local.

Outra técnica usada para a revitalização é a implantação de sistemas agroflorestais. Esse sistema de agricultura sustentável tem como objetivo usar de forma mais natural possível um determinado terreno, através da preservação do seu solo e cultivo sustentável de adubo sem impacto ao bioma local.

O uso de soluções sustentáveis de saneamento e reuso das águas também está presente entre as estratégias de revitalização. Fazendo parte de uma inciativa sustentável que tem o foco na economia de água potável e melhoria da gestão de recursos, essa tática funciona através da destinação correta das águas do esgoto para locais de tratamento e destinação. Com isso, a água, que antes era inutilizável, fica disponível para ser usada em variadas situações como resfriamento de máquinas e limpeza de ruas, o que deixa uma maior quantidade de água potável disponível para a população.

Gostou do conteúdo? Continue acessando nosso blog para ficar antenado nas notícias sustentáveis. Estamos nas redes sociais também! Siga-nos no Instagram, Facebook e LinkedIn.

Nenhum comentário. Seja o Primeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *